sábado, 15 de junho de 2013

Promessa



Quero tanto e em tudo
Eu te quero comigo
Ainda quando nada falas

Nos mundos que invento
Eu te ponho comigo
Ainda quando dizes ‘não’

Eu te (a)guardo
Porque um dia
Disseste-me num cochicho:

“Estarei sempre contigo”


16 comentários:

  1. Ai, que fofura ficou essa postagem, Regina! Uma vez, o Érico San Juan comentou que a ilustração muda a leitura do texto. Foi isso que me aconteceu agora. Os anjinhos me predispuseram a ler com olhos carinhosos. Gostei. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Volto-me à infância... um medalhão de 'anjinho' sobre a cabeceira da minha cama e eu rezando: _ "Santo Anjo do Senhor..." Lindo momento! Obrigada! Amém!
    Bjs. Célia.

    ResponderExcluir
  3. Regina minha amiga, vc tem doçura até nas palavras!
    Enorme beijo pra vc!

    ResponderExcluir
  4. Que meigo ta essa postagem :)
    Lindas palavras parabéns flor... beijos e tenha um lindo domingo

    ResponderExcluir
  5. Regina, querida amiga
    Um momento de grande ternura acabei de viver agora!
    Para começar... eu adoro anjos. E as suas palavras comportam uma tal inocência (de infância) que enternece.
    LINDO!
    Obrigada!

    Uma semana feliz.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Retrbuindo sua visita la no cantinho, seja bem vinda!!
    Que texto lindo, adorei, muito fofo.

    ResponderExcluir
  7. Regina, que gostosura de amor aconchegante...LINDO!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Encontrei divina paz lendo este seu poema! Obrigada pelo mesmo e por seu comentário generoso em meu blog.
    Bjs. Célia.

    ResponderExcluir
  9. Que poesia linda amiga Regina!! Tudo de bom para ti,fica com deus!! http://mafaldinhaarte.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  10. Muito bom estarmos na sintonia do amor.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  11. Que lindo Regina!
    Tenho um anjo da guarda assim, e chamo ele de pai!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá, Regina
    Fiquei tão feliz com a sua presença na minha «CASA»! Gosto muito de a ver por lá.
    Ainda bem que gostou da história que leu. Não posso garantir que seja verídica; li-a numa revista americana, que a apresentava como tendo acontecido...
    Seja ou não verdadeira, a mensagem que transmite é que é importante.

    Até sempre, minha querida.
    Uma semana feliz.
    Beijinhos
    Mariazita

    ResponderExcluir
  13. Muito obrigada pelo carinho da tua presença no «LÍRIOS».
    A autora do poema, a minha querida amiga Lúcia Barbosa, ficou, também, sensibilizada, o que me manifestou por email.
    Eis as suas palavras:
    - “Deslumbrei-me com o blog, com a publicação do meu poema, com os comentários tão preciosos. Jamais poderia supor que estas pessoas apreciariam o que me caiu da alma em um desses repentes que vai se saber porque acontecem. Fiquei feliz e comovida. Não tenho palavras para lhe agradecer a honra da bela publicação e a gentileza de seus amigos para comigo”.
    É, pois, em nome das duas que eu te digo: “Bem hajas”.
    Beijinhos
    Mariazita

    PS – Desculpa o “Copy & Paste” mas, com as idas à praia, o TEMPO fica muito curtinho… :)))
    Voltarei. Fica me aguardando…

    ResponderExcluir
  14. Muito obrigada pelo carinho da tua presença no «LÍRIOS».
    A autora do poema, a minha querida amiga Lúcia Barbosa, ficou, também, sensibilizada, o que me manifestou por email.
    Eis as suas palavras:
    - “Deslumbrei-me com o blog, com a publicação do meu poema, com os comentários tão preciosos. Jamais poderia supor que estas pessoas apreciariam o que me caiu da alma em um desses repentes que vai se saber porque acontecem. Fiquei feliz e comovida. Não tenho palavras para lhe agradecer a honra da bela publicação e a gentileza de seus amigos para comigo”.
    É, pois, em nome das duas que eu te digo: “Bem hajas”.
    Beijinhos
    Mariazita

    PS – Desculpa o “Copy & Paste” mas, com as idas à praia, o TEMPO fica muito curtinho… :)))
    Voltarei. Fica me aguardando…

    ResponderExcluir